Liga BWIN

7ª Jornada

1-1

90+5' Lincoln  71' Paulo Oliveira

Rescaldo

CD Santa Clara

Onze Inicial

99 Marco
6 Mansur 43'
3 Mikel 45+4'
17 Tassano
95 Sagna 64'
8 Anderson (c) 62' 82'
25 Morita
10 Lincoln 90+5'
77 Rui Costa 61'
7 Allano 82'
29 Luiz Phellype 61'

Suplentes

1 Ricardo
5 João Afonso
9 Bouldini 82'
16 Paulo Henrique
19 Romão 64'
21 Nené
23 Cryzan 61'
26 Jean Patric 61'
98 Ricardinho 82'

Treinador

Daniel Ramos

SC Braga

Onze Inicial

1 Matheus
4 Diogo Leite 37'
15 Paulo Oliveira 71'
5 Sequeira 83'
70 Fabiano
8 Al Musrati
10 André Horta 57'
90 Galeno 46'
21 Ricardo Horta
45 Iuri Medeiros 72'
19 Mario Gonzalez 57'

Suplentes

12 Tiago Sá
2 Yan Couto
3 Tormena 83'
11 Piazon
22 Chiquinho 57'
25 Lucas Mineiro
74 Moura 46'
98 Castro 72'
99 Vitinha 57'

Treinador

Carlos Carvalhal

Um Bravo luta até ao fim!

 

Em jogo de grande qualidade do Santa Clara, a justiça tardou, mas não falhou: um momento de brilhantismo restabeleceu a igualdade.

 

Os primeiros minutos mostraram personalidade por parte do Santa Clara, com Luiz Phellype perto de inaugurar o marcador à passagem dos 5 minutos. Até aos 20 minutos, várias paragens acabaram por condicionar o ritmo da partida, que não foi jogada a um ritmo particularmente frenético. Apesar de o Braga procurar instalar-se no meio-campo adversário, até foram os Bravos a criar nova bela oportunidade de golo: Morita lançou Rui Costa com um belo passe em altura, e, de primeira, o avançado português acabou por falhar o alvo, mas por muito pouco. Foi um belo momento que deixou em êxtase os adeptos no Estádio de São Miguel.

 

Até ao intervalo foram poucas as ocorrências de real perigo para ambos os guarda-redes, com o Santa Clara a procurar sempre a resposta às tentativas bracarenses. Marco teve de se aplicar a parar uma tentativa de meia distância de André Horta, e esteve seguro. O guardião do Santa Clara não foi muito requisitado, até porque as oportunidade do Braga acabaram por não levar muito perigo à baliza insular.

 

Na segunda parte, uma entrada digna de Bravos. Remates de Luiz Phellype, Lincoln e Morita, cantos e lances dignos de registo que ameaçaram a baliza de Matheus. Tal como no início da 1ª parte, o Santa Clara entrou pressionante e com vontade de se adiantar no marcador. O Braga tentou sobretudo em lances de transição, mas raramente conseguiu realmente ameaçar seriamente a baliza defendida por Marco.

 

À medida que o tempo passava, cada vez mais domínio dos Bravos. Depois de investidas de topo o tipo, e em sucesso variado, chegou a justiça: nos últimos instantes da partida, na sequência de um livre direto, Lincoln fez uso do brilhante pé esquerdo e não deu hipóteses a Matheus. Um golo incrível que exultou o Estádio de São Miguel e conferiu justiça ao marcador – e, em boa verdade, a vitória açoriana seria o desfecho mais apropriado.

 

Os adeptos tiveram razões para festejar: um golo absolutamente brilhante e a alegria que todos tanto merecíamos.

DESTAQUES

 

Lincoln: Um golo de levantar qualquer estádio. Já antes do golo estava a ser um dos destaques do encontro, tendo recuado para ajudar na distribuição e qualidade de passe.

 

Mikel: Voltou, depois de lesão, e foi fundamental no equilíbrio defensivo.

 

Tassano: Depois de uma temporada de estreia marcada por contrariedades, o uruguaio vai encontrando o seu espaço no Santa Clara e foi imperial na tarde de hoje.

90+5'1-1 GOLOOOOOO LINCOLN
90+2'Livre perigoso para o Santa Clara.
90'Tempo adicional de 5 minutos
88'O santa Clara volta a rematar, desta vez Lincoln a rematar com perigo
86'Bouldini muito perto do empata
84'Remate de Lincoln por cima da baliza, mais um aviso dos Bravos Açorianos
83'Entra Tormena, sai Sequeira
82'Saem Anderson Carvalho e Allano, entram Ricardinho e Bouldini
77'Novo lance de perigo do Santa Clara, anulado por fora-de-jogo
77'Paulo Oliveira a evitar maiores perigos na área bracarense
72'Sai Iuri Medeiros, entra Castro
71'0-1. Golo de Paulo Oliveira
71'Que defesa de Marco
70'Tão perto! Cryzan remata, é canto! Vamos, Bravos!
69'Ricardo Horta remata e a bola esbarra na trave, ainda com desvio de Mansur.
64'Sagna abandona o terreno com queixas físicas, entra para o seu lugar Júlio Romão.
61'Primeiras mudanças promovidas por Daniel Ramos. Saem Rui Costa e Luiz Phellype, entram Jean Patric e Cryzan.
59'Passe longo de Sequeira para o coração da área do Santa Clara, mas Marco com muita segurança.
58'Morita! Remate de meia distância que não passa longe da baliza à guarda de Matheus.
55'Duelo entre Luiz Phellype e Matheus, mas chegou primeiro o guarda-redes a impedir a ação do avançado brasileiro.
54'Lincoln tenta surpreender Matheus de meia distância! O guarda-redes não agarra, mas defende o perigo.
52'Sequeira cede canto para o Santa Clara, no melhor momento dos açorianos na partida. Vamos, Bravos!
51'Grande investida de Rui Costa! A jogada termina num remate de Luiz Phellype, intercetado pela defesa adversária.
48'Mario Gonzalez remata ao lado da baliza de Marco.
47'Mikel bem no corte, cede canto para o Sporting de Braga.
46'Fábio Veríssimo apita para o início da 2ª parte.
45+5'Fábio Veríssimo apita para o intervalo.
45+4'Amarelo para Mikel Villanueva.
45+2'Mikel imperial no ar, depois de cruzamento de Ricardo Horta.
45'4 minutos adicionais.
44'Aninam-se os adeptos no Estádio de São Miguel! Morita tentou lançar Lincoln na esquerda, mas o passe saiu um todo nada com demasiada força.
43'Cartão amarelo para Mansur.
38'Boa investida do Santa Clara pela esquerda da forma como ataca, mas o lance acaba com fora-de-jogo assinalado.
37'Diogo Leite admoestado depois de puxar a camisola de Luiz Phellype.
36'Cabeceamento de Iuri Medeiros, mas muito ao lado da baliza de Marco.
29'Quase, Rui Costa! Grande passe de Morita e, de primeira, o avançado falha o alvo por muito pouco.
25'Sequeira sem sucesso na tentativa de meia distância. Pontapé de baliza para Marco.
24'Livre para os bracarenses, depois de falta de Mikel sobre Mario Gonzalez.
21'Sequeira tenta lançar Fabiano pela direita, mas a bola sai pela linda de fundo.
19'Jogo interrompido para assistência médica, depois de choque entre Rui Costa e Sequeira.
18'Marco! O guarda-redes dos Bravos chamado a intervir, depois de remate de meia distância de André Horta.
17'Sagna! O lateral do Santa Clara tira o pão da boca a Ricardo Horta, e a bola chega tranquilamente a Marco.
16'Jogo reatado depois de interrupção por substituição de material a Fábio Veríssimo, oficial da partida.
10'Primeiros minutos com personalidade e algumas investidas do Santa Clara. Continuar assim!
6'Livre cobrado pelo curto Santa Clara, com circulação na defensiva dos Bravos.
4'Que perigo! Luiz Phellype atira ao lado, estando perto de inaugurar o marcador no Estádio de São Miguel.
1'Fábio Veríssimo apita para o início da partida!
Bem-vindos ao Estádio de São Miguel! CD Santa Clara e SC Braga enfrentam-se para a 7ª jornada da Liga BWIN. Vamos, Bravos!