Liga BWIN

15ª Jornada

1-0

40' Rui Costa 

Rescaldo

CD Santa Clara

Onze Inicial

99 Marco
2 Rafa 89'
3 Mikel
5 João Afonso
16 Paulo Henrique 10'
8 Anderson (c) 90'
25 Morita
10 Lincoln 89'
77 Rui Costa 40' 71'
26 Jean Patric 77'
23 Cryzan 71'

Suplentes

1 Ricardo F.
4 Boateng 77'
19 Romão
21 Nené 89'
29 Luiz Phellype
76 Keyta
95 Pierre Sagna 89'
98 Ricardinho 71'
9 Bouldini 71'

Treinador

Tiago Sousa

Vitória SC

Onze Inicial

14 Bruno Varela
5 Rafa
6 Mumin
10 Edwards 70'
13 Amaro
16 Rochinha (C) 61'
23 João Ferreira
70 André Almeida 70'
76 Händel 55' 61'
88 Tiago Silva 46'
19 Estupiñan 75'

Suplentes

29 Trmal
7 Quaresma 46'
8 Lameiras 70' 90+3'
9 Bruno Duarte 61'
17 Sacko
30 Alfa Semedo 70'
44 Jorge Fernandes
91 Hélder Sá
98 Janvier 61'

Treinador

Pepa

Principal

Hugo Silva

Assistente

Bruno Jesus

Assistente

Ricardo Santos

VAR

Rui Oliveira

Resposta de Bravos!

 

O Santa Clara voltou às vitórias na Liga Portugal com uma exibição fantástica frente a um forte adversário, o Vitória SC, no Estádio de São Miguel.

 

Uma entrada fulgurante do Santa Clara na partida pode, até, ser uma descrição simpática para a entrada da equipa orientada por Tiago Sousa na partida. Frente ao Vitória SC, uma equipa que vivia até à partida um belo momento de forma, os Bravos Açorianos entraram para assumir a partida e dispuseram de um grande fulgor ofensivo. Foram ocasiões atrás de ocasiões e, à meia hora de jogo, faltava apenas o golo que justificaria, por inteiro, o domínio dos insulares no jogo. O Vitória, dispondo de uma ou outra ocasião, nunca conseguiu verdadeiramente contrariar a superioridade do Santa Clara neste mesmo período do jogo.

 

Ao intervalo, uma superioridade clara em número de remates (direccionados à baliza inclusive), posse de bola e cantos – num deles surgiu um grande cabeceamento de João Afonso que apenas não deu golo por uma grande intervenção do guardião Bruno Varela, que foi uma das figuras do encontro pelo volume de defesas que fez e golos que negou ao Santa Clara.

 

Uma exibição de gala no 1º tempo foi culminada com a tão merecida vantagem: depois de ver a desmarcação de Rui Costa, Lincoln, com o seu incrível pé esquerdo, lançou o avançado português que, depois de contornar Bruno Varela, rematou de canhota para inaugurar o marcador. Até à recolhida para o intervalo o Santa Clara podia ter ampliado a vantagem, nomeadamente por Rui Costa e, logo a seguir, num cabeceamento de Cryzan que passou a milímetros do poste da baliza a cargo de Bruno Varela. Vantagem justíssima.

 

Na segunda parte, mais do mesmo a abrir a etapa complementar. O Santa Clara assumiu as despesas do encontro, mesmo em vantagem, e dispôs de ocasiões que se poderiam materializar em golos ou, pelo menos, claras oportunidades de duplicar a vantagem no Estádio de São Miguel.

 

Com o decorrer da segunda parte, e com alguma naturalidade, visto ser a equipa que procurava o resultado, o Vitória acabou por galgar metros e aproximar-se gradualmente da baliza do Santa Clara, mas não necessariamente com ocasiões flagrantes para a baliza de Marco Pereira. O Santa Clara disponha de espaço para explorar a profundidade, uma das imagens de marca da equipa nesta e épocas anteriores.

 

No final de contas, numa partida em que o volume da vantagem poderia ter sido maior, os Bravos Açorianos seguraram a vantagem e, sob Tiago Sousa na liderança da equipa técnica na partida frente ao Vitória SC, somaram 3 importantíssimos pontos na sua caminhada.

O Santa Clara volta a entrar em campo no dia 30 de dezembro, altura em que visita a Mata Real para enfrentar o FC Paços de Ferreira.

DESTAQUES

 

Rui Costa: Golo e uma exibição de encher o olho, com vários momentos de relevo. Homem do jogo para a Liga Portugal.

 

Lincoln: Um passe absolutamente delicioso para o golo do Santa Clara e vários serviços de enorme calibre ao tridente ofensivo.

 

Anderson: No regresso ao onze, o capitão dos Bravos Açorianos esteve exímio, sobretudo defensivamente.

90+7Apito final no Estádio de São Miguel. Vitória dos Bravos Açorianos!
90'Tempo adicional de 5 minutos
79'Remate de Lameiras a sair por cima da baliza de Marco.
64'Ricardo Quaresma remata por cima da baliza de Marco.
46'Início da segunda parte em São Miguel.
45+3'Intervalo na partida.
45+2'Cryzan perto! Cabeceamento na sequência de um canto de Rafael Ramos que passou muito perto do poste.
45+1'Rui Costa perto do bis! O remate desvia em Mumin e fica muito perto de bater Bruno Varela.
39'RUI COSTA INAUGURA O MARCADOR! 1-0!
30'Nova grande intervenção de Bruno Varela, a remate de Jean Patric perto da linha de fundo.
27'Jogo interrompido por assistência médica a Jean Patric.
26'Rafael Ramos atira por cima.
20'Santa Clara a cheirar o golo! Grande cruzamento de Lincoln pela esquerda e Cryzan muito perto de inaugurar o marcador.
18'Nova investida de Jean Patric pela esquerda e novo canto para o Santa Clara!
16'Novamente tão perto! Dupla defesa de Bruno Varela, que nega os remates de Jean Patric e Cryzan.
13'Jogo interrompido por assistência médica a Cryzan.
9'Tão perto! João Afonso cabeceia na sequência de um canto para grande intervenção de Bruno Varela.
8'Remate violento de Jean Patric que esbarra num adversário. Primeiro canto da partida!
6'Remate de pé esquerdo de Marcus Edwards, mas seguro, Marco, agarra o remate.
2'Cryzan perto do golo, mas o lance invalidado por fora-de-jogo.
1'Início da partida no Estádio de São Miguel. Vamos, Bravos!