Liga NOS

29ª Jornada

2-1

73' Chiquinho  63' Anderson Carvalho AG 26' Carlos Júnior

Rescaldo

SL Benfica

Onze Inicial

77 Helton Leite
17 Diogo Gonçalves 82'
30 Otamendi 90+3'
5 Vertonghen
4 Lucas Veríssimo
3 Grimaldo
28 Weigl 89'
7 Everton 59'
21 Pizzi 68'
14 Seferovic 82'
27 Rafa 82'

Suplentes

99 Odysseas
2 Gilberto 82'
9 Darwin 68'
10 Waldschmidt 82'
11 Cervi
19 Chiquinho 59' 73'
38 Pedrinho 82'
88 Gonçalo Ramos
91 Morato

Treinador

Jorge Jesus

CD Santa Clara

Onze Inicial

99 Marco Pereira
2 Rafael Ramos 87'
3 Mikel Villanueva
5 João Afonso
6 Mansur
27 Anderson Carvalho 63' 87'
25 Hidemasa Morita
10 Lincoln 87'
13 Carlos Júnior AG 26'
23 Cryzan 78'
7 Allano 78'

Suplentes

97 Rodolfo Cardoso
17 Ukra 87'
18 Rúben Oliveira
20 Costinha 78'
21 Nené 87'
26 Jean Patric 87'
31 Cristian Tassano
77 Rui Costa 78'
95 Pierre Sagna

Treinador

Daniel Ramos

Árbitro Principal

Hélder Malheiro

Árbitro Assistente

Rui Cidade

Árbitro Assistente

Gonçalo Freire

VAR

Luís Godinho

A sorte que não nos sorriu

 

À semelhança do que a equipa havia feito em Alvalade e no Dragão, o CD Santa Clara mostrou-se personalizado e a querer impor o seu jogo diante do SL Benfica. A equipa voltou a ser melhor nos noventa minutos mas viu o ponto a fugir-lhe por entre os dedos.

 

Foi um CD Santa Clara igual a si próprio aquele que se apresentou no Estádio da Luz para jogar diante do SL Benfica. E igual a si próprio equivale a dizer: personalizado, irreverente na saída de bola, confiante a circular o esférico, incisivo no momento do ataque à baliza adversária e extremamente agressivo- no bom sentido do termo- a pressionar a saída de jogo do adversário que sentia claras dificuldades perante o posicionamento açoriano. O golo inaugural da partida surgiu numa altura em que a equipa visitada não tinha conseguido efetuar um remate enquadrado com a baliza de Marco. A equipa não se atemorizou com o golo e procurou igualar a contenda até final da primeira parte, ainda que sem grandes efeitos práticos.

 

O intervalo fez bem à equipa que regressou ainda mais incisiva e procurando alvejar a baliza adversária. Os primeiros vinte minutos do segundo tempo constituem um autêntico compêndio de bom futebol. A equipa instalou-se no meio-campo adversário e foram várias as chances que poderiam ter sido materializadas em golo. Ora Helton Leite, ora algum desacerto na hora da finalização atrasavam o golo açoriano que viria a acontecer. Anderson Carvalho, hoje capitão de equipa, recebe a bola à entrada da pequena área e, fazendo uso de um apurado sentido de oportunismo, empatava o jogo, trazendo justiça. Mesmo com o golo, a equipa não tirou o pé do acelerador e, através da pressão alta exercida, foi provocando perdas de bola capitais. Novamente contra a corrente do jogo, o Benfica viria a marcar.

 

A resposta ao golo do Benfica não tardaria e manter-se-ia até final do jogo. A equipa da casa, ciente da fibra dos açorianos, baixou linhas e passou a tentar controlar as intenções adversárias. A equipa voltaria a aproximar-se várias vezes do objetivo mas mostrando algumas falhas no capítulo da decisão que não permitiram a obtenção de um resultado diferente. Para a história fica mais uma grande exibição dos bravos açorianos que deveria ter dado, no mínimo, direito a um ponto. A equipa volta a jogar no próximo Sábado diante do Boavista FC, no Estádio de São Miguel.

DESTAQUES

 

 

Morita- Já faltam palavras para descrever a elegância do nipónico. Impávido perante a pressão alta adversária e extremamente inteligente na ocupação de espaços à frente da sua baliza, fez um jogo exímio.

 

 

Lincoln- O médio brasileiro encheu o campo novamente. Ora a jogar mais próximo do avançado, ora mais recuado para procurar a bola, foi um dos percursores do fulgor ofensivo que a equipa conseguiu imprimir.

 

 

Anderson Carvalho- Voltou a marcar na luz e encheu o campo. Fez piscinas no eixo central, apoiando o ataque e procurando salvaguardar a defesa.

90+5'Termina a partida no Estádio da Luz
90+2'Cartão amarelo para Otamendi
90+1'Remate de Nené para defesa a dois tempos de Helton Leite
90'Tempo adicional de 4 minutos
89'Cartão amarelo para Weigl
89'Cruzamento de Gilberto para defesa de Marco
87'Entram Nené, Jean Patric e Ukra, saem Lincoln, Anderson Carvalho e Rafael Ramos
83'Remate de Costinha para defesa de Helton Leite
82'Entram Waldschmidt, Gilberto e Pedrinho, saem Rafa, Diogo Gonçalves e Seferovic
81'Cruzamento de Diogo Gonçalves com Seferovic a falhar a finalização
78'Entram Rui Costa e Costinha, saem Cryzan e Allano
78'Canto de Rafael Ramos a atravessar a área do Benfica com muito perigo
73'Golo de Chiquinho
70'Cruzamento de Grimaldo para as mãos de Marco Pereira
68'Entra Darwin, sai Pizzi
67'Importante corte de Mikel a cruzamento de Pizzi, evitando o perigo
63'Golo de Anderson Carvalho
60'Livre batido de Rafael Ramos, para grande defesa de Helton Leite
59'Entra Chiquinho, sai Everton
53'Remate de Carlos Júnior a sair ao lado
52'Remate de Cryzan para defesa de Helton Leite, após boa jogada ofensiva do Santa Clara
49'Allano quase isolava Carlos Júnior, Vertonghen evita o perigo
46'Recomeça a partida em Lisboa
45+3'Tempo de descanso no Estádio da Luz
45'Tempo adicional de 2 minutos
42'Cabeceamento de Otamendi, a sair muito cima da baliza, após canto de Grimaldo
39'Remate de Morita, de fora da área, a sair por cima da baliza
32'Cabeceamento de Carlos Júnior a sair ao lado da baliza de Helton Leite
30'Lance de perigo, Seferovic a rematar por cima da baliza
26'Auto golo de Carlos Júnior
24'Remate rasteiro de Allano defendido por Helton Leite
18'Remate de Carlos Júnior dentro da pequena área, valeu a defesa de Helton Leite
11'Remate perigoso de Pizzi, com a bola a sair muito próxima do poste
10'Allano volta a rematar, mas o disparo a sair muito ao lado
9'Remate de Everton com Mansur a evitar perigos maiores
6'Remate de Allano, de fora da área, a sair ao lado da baliza de Helton Leite
1'Começa a partida no Estádio da Luz
Jogo com início marcado às 18h00. Transmissão BTV.