Liquidação de 3 Milhões em acordo histórico entre a Santa Clara SAD e o Santander

A Santa Clara Açores, Futebol S.A.D vem pelo presente prestar os seguintes esclarecimentos:

 

-A SAD celebrou um acordo histórico com o Santander que permitirá uma liquidação do seu passivo bancário que ascendia a 5,5 milhões de euros, para 2,5 milhões de euros.

 

-No imediato, a Santa Clara Açores, Futebol S.A.D liquidará 3M (três milhões de euros) ao Banco Santander, o que equivale a mais de 60% do valor total da dívida bancária, herdada há largos anos.

 

-Esta complexa operação financeira permitirá à SAD um saneamento total do passivo bancário, junto do seu principal credor, num prazo máximo de 10 anos.

 

-O acordo surge em consonância com a política de saneamento e rigor financeiro, que tem sido uma das principais bandeiras deste conselho de administração, permitindo uma importante revitalização financeira da SAD.

 

-Urge ainda sublinhar a importância do acordo, numa época de profundas dificuldades financeiras provocadas pela pandemia, aproveitando para realçar o compromisso da instituição com a economia da região, mantendo todos os postos de trabalho e evitando incorrer em reduções salariais.

 

-A estabilidade económico-financeira é um dos mais preponderantes vetores para a consolidação do projeto desportivo do Santa Clara.  Este histórico acordo permitirá a construção de um Santa Clara de futuro, sem passivo bancário, cumprindo com os compromissos assumidos e trilhando um caminho vitorioso, mas, acima de tudo, consolidado e consciente.

 

“Este acordo foi doloroso, mas necessário, para deixarmos a SAD sem passivo bancário. Estamos a pagar uma dívida que foi herdada. Agora há que manter o rigor financeiro. Agradeço ainda ao Santander pela postura construtiva, digna de quem entende o Clube e a Região”, frisou, Rui Cordeiro, presidente da SAD.